FIAGRO – Fundo Imobiliário do Agronegócio

Você sabe o que dá a mistura do Agronegócio com um Fundo de Imobiliário? Isto mesmo: um FIAGRO Imobiliário. 
 

Conheça as principais diferenças entre o Fiagro Imobiliário e o Fundo de Investimento Imobiliário

Para compreender as diferenças entre investir em imóveis urbanos e imóveis rurais, é preciso, primeiramente, compreender os principais veículos para estes investimentos: FIAGRO Imobiliário e Fundo Imobiliário. De forma geral, a tabela abaixo representa as características entre os dois veículos de investimento.

tabela fiagro e FII

O Fiagro Imobiliário nasce com uma estrutura semelhante ao Fundo Imobiliário, porém amplia o seu escopo para se adequar à realidade dos investimentos rurais. Além dos aspectos da política de investimento, vale destacar 2 diferenças operacionais entre os dois fundos:

1. Não obrigatoriedade de distribuição de 95% do resultado semestral do Fiagro;

2. Diferimento do pagamento de imposto de renda sobre o ganho de capital para o momento de venda de cotas no mercado, no caso de integralização de uma propriedade em troca de cotas do fundo.

Essas diferenças tornam o Fiagro Imobiliário extremamente atrativo no setor agroindustrial e uma possibilidade interessante para construção de veículos de investimento. Em termos tributários, as estruturas são muito semelhantes:

Fiagro Imobiliário

Portanto, analisando os dois casos, é possível entender que existem diversas semelhanças, e as diferenças propostas auxiliam na criação de uma maior atratividade específica do setor. O Fiagro Imobiliário pode ser considerado o “primo da roça” do Fundo Imobiliário, enquanto um usa botina o outro anda de sapato!

Referência(s)

Gabriel Diniz Junqueira

Precisa de ajuda ?